top of page

Niterói: temporal causa acidentes, alagamentos e destruição


Carro capotou na Avenida Feliciano Sodré / Foto: redes sociais

Um forte temporal, com grande incidência de raios e trovoadas, transtornou a cidade de Niterói no início da noite desta quinta-feira, 5/10. Rios e canais transbordaram, alagando ruas em toda a cidade. Na Avenida Feliciano Sodré, no Centro, onde a falta de luz deixou os sinais de trânsito apagados, um carro bateu e capotou. Na Estação Arariboia, das barcas, o forro do teto desabou e no Terminal Rodoviário João Goulart luminárias explodiram, causando pânico nos usuários (veja vídeos).





A Secretaria Municipal de Defesa Civil e Geotecnia de Niterói informaram que a cidade entrou em estágio de atenção. A Defesa Civil orienta para que a população durante esses períodos de chuvas contínuas evite transitar em áreas alagadas e próximas a córregos, canais e rios sujeitos a transbordamentos e siga as orientações do órgão.




O Centro de Monitoramento e Operações da Defesa Civil de Niterói informa que os maiores acumulados em 15 minutos foram registrados nos bairros Engenho do Mato (12mm), Itaipu (5,8mm), Maravista (4mm), Várzeas das Moças (3,6mm) e Maria Paula (3mm).


Os maiores acumulados de chuva em 1 hora foram registrados no Cavalão (45mm), Maceió (39,8mm), São Francisco (39,6mm), Pé Pequeno (35mm), Travessa Beltrão (32,4mm) e no Morro da Penha (31mm)


Foram registradas, até as 21 horas, 17 quedas de árvores em diferentes bairros da cidade em função dos fortes ventos. Equipes da Defesa Civil, da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos estão nas ruas. Os operadores da NitTrans estão atuando nos principais pontos de alagamento da cidade. A orientação é, aos que puderem, evitem o deslocamento.


A Defesa Civil orienta que, em casos de ventos fortes e/ou chuvas com descargas elétricas, a população deve evitar ficar próximo a árvores, redes de distribuição de energia elétrica, toldos, tapumes ou em áreas descampadas.


Desde 2013, Niterói já realizou intervenções em encostas em diversos bairros da cidade, com investimentos de mais de R$ 45 milhões em obras que integram o eixo Clima e Resiliência do Plano Niterói 450.

Comentarios


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page