Niterói participa de programa de gestão de pessoas

O prefeito de Niterói, Axel Grael, assinou nesta sexta (28/1) o protocolo de intenções para participação no Programa de Inovação para a Transformação da Gestão de Pessoas no Setor Público da Comunitas. Com a assinatura, o município registra o compromisso com o programa e com a busca em conjunto por soluções para os desafios de gestão de pessoas pelos próximos oito meses. Niterói foi selecionada pelo Comunitas dentre 23 cidades que participaram do processo seletivo. O programa também selecionou as cidades de Campinas, Ribeirão Preto, Fortaleza, Maceió e Pelotas.

Divulgação / Prefeitura de Niterói

O Comunitas é uma organização da sociedade civil especializada em modelar e implementar parcerias sustentáveis entre os setores público e privado, para gerar maior impacto do investimento social, na busca pela melhoria dos serviços públicos e, consequentemente, da vida da população.


A seleção foi realizada em parceria com a Fundação Lemann e levou em consideração a pluralidade de perfis de liderança (gênero, etnia e partidos políticos) e diversidade de regiões brasileiras. A instituição também priorizou prefeituras cuja gestão tenha um perfil de inovação, com disposição de conduzir processos de experimentação e geração de novas ideias. Outro fator de decisão para a seleção foi a busca por pessoas com o potencial de gerar um efeito multiplicador tanto em seus territórios, como nos entornos.


O prefeito Axel Grael destacou que a gestão de pessoas é prioridade em Niterói há algum tempo.


“O tema de gestão de pessoas está entre nossas prioridades e deveria estar em qualquer governo ou organização. Quem move a Prefeitura são as pessoas, por isso é fundamental ter um olhar estratégico para nosso capital humano. Em Niterói essa agenda não começou agora. Uma Niterói mais eficiente e comprometida é uma das áreas de resultado do nosso Planejamento Estratégico Niterói Que Queremos 2033”, afirma o prefeito.


Duas iniciativas inovadoras reforçam o compromisso da Prefeitura com a boa gestão de seus recursos humanos: a criação da Escola de Governo e Gestão, em 2017, que impulsiona o desenvolvimento dos profissionais do município; e a pós-graduação em Gestão Pública desenvolvida especialmente para servidores municipais, em parceria com a Universidade Federal Fluminense (UFF), entre 2020 e 2021.


O projeto inscrito por Niterói no Programa de Inovação para a Transformação da Gestão de Pessoas da Comunitas é a criação do Banco de Talentos da Prefeitura. Idealizado pela Escola de Governo e Gestão, o projeto será desenvolvido pela Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Modernização da Gestão (SEPLAG) em parceria com a Secretaria Municipal de Administração (SMA). O projeto reforça a gestão de pessoas como diretriz do município e colabora para o fortalecimento do capital humano da Prefeitura de Niterói.


A secretária de Planejamento, Orçamento e Modernização da Gestão, Ellen Benedetti, afirmou que o objetivo é sempre valorizar os profissionais da administração pública.


“A proposta é avançar na pauta de gestão de pessoas, com iniciativas inovadoras como a estruturação de políticas de seleção por competências para cargos de liderança, por exemplo, e a criação do nosso Banco de Talentos, que tem como objetivo reconhecer e valorizar nossos profissionais, identificar lideranças em potencial e possíveis facilitadores de conhecimentos que buscamos disseminar na Prefeitura. Estamos muito animadas com tudo que estamos construindo para nossa cidade”, reforça Ellen Benedetti.


Sobre o Programa de Inovação de Transformação em Gestão de Pessoas no Setor Público


Devido à importância estratégica da área de gestão de pessoas para a administração pública, a Comunitas inicia um novo programa de conhecimento e inovação, através do Hub de inovação da organização, o InovaJuntos.


O Programa de Transformação em Gestão de Pessoas visa desenvolver soluções inovadoras a desafios de gestão de pessoas em seis governos municipais. O programa também contará com uma novidade, que é a metodologia de tutoria. Cada município terá um padrinho ou madrinha, uma pessoa com experiência na área de gestão pública, disposta a compartilhar experiências, e que vai acompanhar o participante ao longo das atividades.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

300x250px.gif
728x90px.gif