Niterói sedia simpósio sobre canoa havaiana

O número de praticantes de canoa havaiana — ou canoa polinésia — em Niterói vem crescendo significativamente, incorporando-se ao leque de atividades náuticas que a cidade oferece e tornando-a referência na prática desse esporte. Para debater o desenvolvimento da modalidade, não apenas em águas do município, mas em todo o país, será realizado, nos dias 29 e 30 de junho, o 1º Simpósio Niteroiense de Va’a.

Divulgação

O evento, planejado para ocorrer de forma 90% virtual, acontece na casa de eventos Vila H, em São Francisco, onde apenas palestrantes e equipe de produção estarão reunidos, e as imagens serão transmitidas ao vivo nas redes sociais e a participação será gratuita, sem necessidade de inscrição.


O simpósio é organizado pela Associação Niteroiense de Va’a (ANVA’A), com apoio da Secretaria de Esporte e Lazer de Niterói (SMEL). Niterói é um polo de destaque na modalidade, com seus 31 clubes. O prefeito de Niterói, Axel Grael, falará sobre a relação da cidade com os esportes náuticos e suas projeções para o desenvolvimento do va’a.


Outro palestrante confirmado é o navegador e escritor brasileiro Amyr Klink, primeira pessoa a fazer a travessia do Atlântico Sul a remo, em 1984, a bordo do barco IAT.


“Temos visto o esporte crescer de forma vertiginosa, conquistando cada vez mais adeptos. Como é uma modalidade nova no país em relação aos esportes clássicos, o momento presente é crucial para debater sobre seu futuro a fim de assegurar qualidade e segurança para sua prática”, destacou Luiza Perin, presidente da ANVA’A.


O secretário municipal de Esporte e Lazer, Luiz Carlos Gallo, ressaltou a tradição esportiva de Niterói, especialmente em modalidades aquáticas.


“O aumento de praticantes de canoas havaianas mostra que Niterói já é uma referência no esporte. Hoje temos 31 clubes na cidade e grandes destaques em competições dentro e fora do país”, afirmou Gallo.


As participações do presidente da Federação de Canoas Havaianas do Estado do Rio de Janeiro, Marcelo Esquilo, e do presidente da Confederação Brasileira de Va’a, Daniel Bueno, darão um panorama atual do esporte em nível nacional. Para assegurar as reflexões sobre segurança na navegação, foi convidado o capitão de fragata Renato Vieira Melgaço, da Capitania dos Portos do Rio de Janeiro. O encerramento será com a palestra “Tudo o que as embarcações a remo podem ensinar”, do navegador Amyr Klink.


A transmissão acontecerá no canal do Aloha Spirit Mídia, no Youtube; na página do Facebook da Secretaria de Esporte e Lazer – Niterói (https://www.facebook.com/esporteniteroi); e no Instagram @anvaa_niteroi.


*Com informações da Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif