Participante do BBB 21 é usada como "propaganda" de criminosos em SG


Foto: Reprodução/Redes Sociais

A participante do "BBB 21" Juliette, uma das favoritas do público para vencer o jogo, virou "propaganda" de criminosos do bairro Trindade, em São Gonçalo. O rosto da sister aparece, agora, estampado nas trouxinhas de maconha vendidas por bandidos ligados ao Comando Vermelho (CV), que deram o nome à "criação" de "Juliette de R$20".


Advogada e maquiadora, a paraibana tem se destacado e conquistado o público através de sua participação no reality show. No paredão desta terça-feira (30/3), ela recebeu apenas 1,24% dos votos, permanecendo na casa, enquanto os participantes adversários Sarah e Rodolfo receberam, respectivamente, 77% e 22% dos votos, culminando na eliminação da mais votada.


Ela tem recebido diversas homenagens de atores, cantores e compositores nas redes sociais, mas certamente não gostaria da "homenagem" inusitada feita pelos criminosos. Nas redes sociais, a imagem que mostra um cigarro de maconha com o rosto da participante viralizou e gerou muitos comentários.


“BBB servindo pra marketing da tropa”, comentou uma internauta. “O parâmetro pra saber se a pessoa realmente tá famosa no Brasil é virar embalagem de ganja”, ironizou outra.


A droga está sendo vendida no bairro Trindade, em São Gonçalo. Após a imagem da "Juliette de R$20" ter viralizado no Twitter, organizadores do "baile do BQ", que é realizado no mesmo bairro, fizeram uma música de funk, com letra de apologia ao sexo e drogas, envolvendo o nome da participante.

 Conheça a nova Scooter Elétrica

Não precisa de CNH, sem placa e sem IPVA

1/3
300x250px - para veicular a partir do di
Leia também: