PDT pode apoiar Lula, mas quer que PT incorpore três propostas

O presidente do PDT, Carlos Lupi, disse nesta segunda-feira (3/10), que se reunirá com a executiva do partido na terça (4/10) pela manhã para definir a posição do PDT no segundo turno das eleições. Lupi defende o apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e já está conversando com a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, sobre o assunto. O pedetista sugeriu a ela, porém, que os petistas incorporem três propostas de Ciro.

Reprodução

“Hoje eu falei com Gleisi, e disse que ela tinha que dar alguma sinalização que querem o nosso apoio. Assim que derem a sinalização, facilita a minha posição e a do Ciro. E ela disse há pouco, pelo WhatsApp, que já aceitou “, contou o presidente do PDT.


Lupi espera que Ciro Gomes endosse a posição da legenda:


“Acho que ele vai seguir a orientação do partido, criou uma relação com o partido muito forte, comigo mais ainda. Acho muito difícil ele não acompanhar a orientação do partido", afirmou.


As propostas que o PDT quer Lula incorpore em seu programa de governo são:


- O programa que prevê zerar dívidas do SPC;


- O plano de renda mínima;


- Projeto de educação em tempo integral.



300x250px.gif
728x90px.gif