Peritos neutralizam bomba na Embaixada da Rússia, em Brasília


O pacote entregue na Embaixada da Rússia, em Brasília (Foto: Divulgação/PMDF)

Uma ameaça de bomba na Embaixada da Rússia, no Setor de Embaixadas Sul da capital federal, movimentou o Corpo de Bombeiros e as polícias Civil e Militar, no fim da manhã desta quinta-feira (14). Segundo o Corpo de Bombeiros, mais cedo, a segurança da embaixada recebeu uma ligação telefônica em que uma pessoa ameaçava explodir o local com uma bomba. Os agentes de segurança foram chamados e realizaram uma varredura na área da embaixada.

Segundo a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), um pacote foi entregue na portaria da embaixada, o que desobedece o protocolo da entidade - o pacote seria destinado ao presidente russo Vladimir Putin. Em seguida, os seguranças isolaram a caixa e acionaram a polícia.

A operação foi batizada de Petardo, em referência ao um objeto encontrado na embaixada. O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da PMDF cercou o local e solicitou aumento do perímetro de segurança. O trânsito nas vias próximas foi interditado.

Como procedimento de segurança, após peritos do esquadrão antibombas examinarem o pacote deixado na representação diplomática, o objeto explosivo foi detonado. Cinco viaturas do Corpo de Bombeiros e uma para o monitoramento de produtos perigosos, como artefatos tóxicos e químicos, também estão no local.

300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif