Quatro mortos na manhã de domingo, em Charitas

Atualizado: 19 de jun. de 2020


Várias viaturas foram empregadas na perseguição. Policiais teriam comemorado bastante o resultado da ação

Uma perseguição policial e intensa troca de tiros no final da manhã deste domingo (31) acabou com saldo de quatro mortos e dois feridos na Av. Sílvio Picanço, em Charitas. O veículo mdelo HB20, placa LLW7972, com cinco ocupantes, desrespeitou a ordem de parar ao passar por um bloqueio policial, dando início à perseguição e ao tiroteio.

Policiais da 79a DP receberam informações de que um grupo armado estaria saindo do Preventório, dando início a um certo tático por policiais militares do 12o Batalhão, com auxílio do CISP. Em frente ao restaurante Verdana deu-se o tiroteio. O veículo se desgovernou depois de o motorista ser atingido pelos disparos, e acabou batendo em outro carro estacionado na via. Três homens morrerm no local e dois foram levados feridos para o hospital, onde o traficante identificado como Rato, chefe do tráfico do Cavalão, também morrou.

Testemunhas disseram que policiias do Grupamento de Ações Táticas (GAT) do 12° Batalhão da Polícia Militar (BPM), de Niterói, comemoraram efusivamente o resultado da ação. Dentro do veículo foram apreendidos uma pistola e dois fuzis.

Várias pessoas testemunharam o fato e fizeram relatos nas redes sociais.



300x250_QuatroRodas.gif
728x90_PorqueArCondicionado.gif