Pesadelo dos bolsonaristas, 'URSAL' avança nas Américas


(Reprodução)

A teoria da conspiração URSAL, União das Repúblicas Socialistas da América Latina, está tirando o sono de muito bolsonarista, e nunca teve tanto embasamento para ser defendida. Será que Brasil vai entrar na onda vermelha?

Com a vitória presidencial do esquerdista e ex-guerrilheiro Gustavo Petro na Colômbia, a base bolsonarista estremeceu no Brasil, e atingiu em cheio o seu pilar: o extremista Jair Bolsonaro, hoje no Partido Liberal (PL).

Segundo a colunista Monica Bergamo, da Folha de São Paulo, Bolsonaro enviou a seguinte mensagem para uma lista de transmissão no WhatsApp: "Cuba... Venezuela... Argentina... Chile... Colômbia... Brasil?"

Bolsonaro se referia aos países da América Latina que já contam com governos de esquerda, questionando se o último da lista – o Brasil – terá o mesmo destino dos demais.

O medo dos bolsonaristas de o Brasil se tornar nas próximas eleições presidenciais a peça que falta para instituição da "URSAL", e tendo em vista que a URSAL não passa de uma teoria da conspiração alimentada pelo bolsonarismo, muitos internautas fizeram piada com muitos memes no Twitter.

O filho 03. deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP), embarcou na onda do pai e fez um pedido patético aos eleitores brasileiros.

Retroceder de quê?


Cúmulo do fanatismo: "O último herói das Américas!"

Para o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), a mudança que falta na América Latina está "carregando"...

Ursinhos vermelhos da URSAL estão invadindo e mudando o mapa político da América Latina...



A URSAL vem aí...


A "irmandade URSAL" vai mudar a cor da nossa bandeira.

A invasão de "Ratanabá" pelas tropas da URSAL...


Quem será esse "fulaninho" que está perdendo o sono?


Com a Agência Sputnik

300x250px.gif
728x90px.gif