top of page
banner niteroi carnaval 780x90px 16 02 24.jpg

Placas informativas são instaladas no Parque Orla Piratininga

O Parque Orla Piratininga Alfredo Sirkis (POP), na Região Oceânica de Niterói, ainda não foi inaugurado mas já atrai a curiosidade de muitos turistas, praticantes de esportes e moradores da região. Para ampliar a comunicação com a população, garantir a preservação do local e a segurança dos visitantes, a Prefeitura de Niterói começou a instalar placas informativas em pontos estratégicos da obra.

Foto: Lucas Benevides / Prefeitura de Niterói

As placas alertam sobre a presença de jacarés na área, ensinam que eles são fundamentais para o controle biológico de outras espécies, reforçam a importância de não alimentar os animais e de manter distância. Além delas, haverá placas sobre a proibição da caça, sobre o descarte correto do lixo e sobre risco de incêndios causados por falta de atenção.


Andrea Maia, uma das biólogas do POP, explica que, além das placas, um guarda-corpo de quase 600 metros será colocado ao longo do canal de cintura, desde o jardim filtrante do Sistema Cafubá, em direção à Ilha do Pontal, na área que está sendo chamada de berçário de jacarés.


“A previsão é que ele esteja concluído nas próximas semanas. As obras de infraestrutura somadas às boas práticas ambientais de todos os moradores e frequentadores do local vão contribuir para a proteção dos visitantes e de todas as espécies importantes para a região”, ressalta.

Foto: Lucas Benevides / Prefeitura de Niterói

Sobre o POP


Com investimentos de R$ 100 milhões da Prefeitura de Niterói, as obras do Parque Orla Piratininga Alfredo Sirkis (POP), que integram o Programa Região Oceânica Sustentável (PRO Sustentável), estão entrando na fase final. A previsão é que sejam totalmente concluídas no segundo semestre.


O primeiro sistema de jardins filtrantes já foi concluído com os jardins plantados e entrará no ápice da operação em breve. Os outros dois sistemas já estão com vertedouro, bacia de sedimentação e jardins filtrantes construídos e serão plantados após a conclusão das obras de saneamento ambiental da Comunidade da Ciclovia.

Divulgação

Os jardins filtram as impurezas das águas pluviais e das três principais bacias hidrográficas que desaguam na Lagoa de Piratininga: Bacia do Rio Cafubá, Bacia do Rio Arrozal e Bacia do Rio Jacaré, devolvendo água de qualidade para a Lagoa de Piratininga.


Além dos jardins filtrantes, Parque Orla Piratininga Alfredo Sirkis terá píeres de contemplação, 10.6 km de ciclovia que se integrará ao Sistema Cicloviário da Região Oceânica, 17 praças, 2 mirantes e um centro eco cultural voltado para educação ambiental.


Ele foi planejado para proteger e recuperar os ecossistemas da Lagoa de Piratininga e o seu entorno, recuperar a qualidade ambiental das águas, evitando a chegada de sedimentos, além de oferecer equipamentos de lazer, recreação, contemplação, cultura e educação ambiental.


O POP é, atualmente, o maior projeto em desenvolvimento no Brasil a utilizar técnicas de Soluções baseadas na Natureza (SbN).


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

Chamada Sons da Rússia5.jpg
banner niteroi carnaval 300x250px 16 02 24.jpg
Divulgação venda livro darcy.png
bottom of page