Polícia Civil mira ativo imobiliário de milícias no Rio


(Foto: Divulgação/Governo do Estado do Rio de Janeiro)

Policiais civis realizaram nesta terça-feira (24) uma operação contra a milícia que atua em Gardênia Azul, na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro. O objetivo é combater o empreendedorismo imobiliário das milícias que promovem construções ilegais em terrenos irregulares na região.

Os agentes foram munidos com mandados de busca em 22 endereços residenciais e comerciais de suspeitos de fazer as construções ilegais e lavar dinheiro.

Segundo investigações da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente, o grupo criminoso usa "laranjas" como responsáveis pelas edificações. Com os edifícios concluídos, as unidades são vendidas por R$ 150 mil, garantindo lucro estimado de R$ 3,6 milhões ao grupo.

As investigações identificaram ocupações irregulares em uma área de 10 mil metros quadrados (m²), das quais 7 mil m² eram em áreas florestadas.

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg