Polícia é avisada e flagra crime ambiental em Itaboraí


Foto: Divulgação

Pelo menos 50 mil metros de área degradada foram localizados em Itaboraí, na região metropolitana, nesta quinta-feira (30/9), após denúncia feita aos policiais militares da 6ª Unidade de Polícia Ambiental (UPAm). A informação foi encaminhada através do programa Linha Verde do Disque Denúncia.


Os agentes lotados na Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual da Serra da Tiririca, em Niterói, de posse das informações, foram à localidade conhecida como Agro Brasil e na Rua Trinta e Três, onde constataram a movimentação do solo e supressão de vegetação, além da existência de duas máquinas retroescavadeiras em atividade.


Um homem que estava dentro de uma das máquinas foi questionado pelos agentes sobre as licenças ambientais pertinentes para a realização daquelas atividades, mas informou não possuir nenhuma documentação. Diante disso, os policiais foram à 71ª DP (Itaboraí), onde, após perícia, a ocorrência foi registrada com base no artigo 60 da lei de crimes ambientais.


Sobre o Linha Verde


O Linha Verde foi criado pelo Disque Denúncia para que população possa encaminhar denúncias de crimes ambientais em todo o Estado do Rio através dos telefones 0300 253 1177 (custo de ligação local) e (21) 2253 1177, além do APP “Disque Denúncia RJ” disponível para celulares. Por essa modalidade, o denunciante pode enviar fotos e vídeos, com a garantia do anonimato. É possível denunciar também através da página do Linha Verde no Facebook ou ainda pelo site do Disque Denúncia. Lembrando que em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.

300x250px.gif
728x90px.gif