top of page

Prédio desaba parcialmente e mata duas pessoas em Olinda

Parte de um edifício em Olinda, região metropolitana do Recife, desabou na noite dessa quinta-feira (27/4) e deixou dois mortos: um jovem de 13 anos e um homem de 32 anos. O corpo do menino foi encontrado na madrugada desta sexta-feira (28/4). O desabamento parcial do Edifício Leme deixou também quatro feridos, que estão hospitalizados. Equipes do Corpo de Bombeiros de Pernambuco continuam trabalhando entre os escombros.

Reprodução / TV Globo

As causas do desabamento estão sendo investigadas por peritos da prefeitura. Algumas pessoas relataram que, antes do desmoronamento, ouviram um estrondo.


A prefeitura de Olinda informou, em nota, que o Edifício Leme foi interditado em 2000, pela Defesa Civil, após uma vistoria conjunta entre o estado, município e a Universidade Federal de Pernambuco. E que exigiram da seguradora do imóvel a sua demolição e vigilância do prédio para evitar a ocupação.


A administração municipal cita outros casos de prédios interditados e que tem atuação na Justiça, “a fim de obrigar as seguradoras a executarem as demolições. Dezenas de ações foram movidas pela procuradoria do Município. Como exemplo, têm-se os casos dos edifícios Verbena e JK, onde a Caixa Seguradora, responsável pela Guarda e Conservação dos prédios, foi obrigada a demoli-los, relocando eventuais ocupantes”.


“Hoje, no entanto, existem casos em que a Justiça já determinou a demolição do imóvel, após a ação da prefeitura, porém a seguradora se recusa a dar cumprimento à ordem judicial. E isso mesmo sendo cobrada multa diária no caso de descumprimento”.


Conclui a nota se solidarizando com as famílias das vítimas e ressalta que continuará “atuando para que os prédios condenados do município sejam totalmente demolidos pelas seguradoras responsáveis”.


O prefeito de Olinda, Professor Lupércio, assim que soube da tragédia, explicou que determinou a mobilização de órgãos do município para atendimento às vítimas.


“Estamos mobilizados para prestar toda assistência para as vítimas do Edifício Leme, que desabou há pouco, em Jardim Atlântico. Todas as secretarias de Olinda seguem de prontidão para ajudar no que for preciso”, disse o prefeito, em seu perfil no Twitter.


*Com informações da Agência Brasil

Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page