Prefeitura anuncia obras de infraestrutura em 38 comunidades

A Prefeitura de Niterói fará obras de infraestrutura e revitalização em 38 comunidades de todas as regiões da cidade. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (22/9) pelo prefeito Axel Grael em cerimônia no Caminho Niemeyer, centro da Cidade. Ainda este ano, serão investidos R$ 30,2 milhões nas intervenções e, até 2024, serão R$ 123,8 milhões. No total, 55 frentes de trabalho estarão em atuação, já que uma comunidade pode receber mais de uma obra.

"A gente tem feito também um grande esforço nas ações preventivas nas comunidades. Temos feito obras de contenção de encostas, obras de drenagem, além de uma série de ações habitacionais para que possamos fazer com que famílias, que estão em situação de risco, possam ser realocadas para moradias seguras e com dignidade. As obras em comunidades são uma das prioridades da nossa gestão. Elas fazem parte do Plano Niterói 450, que prevê R$ 2 bilhões em investimentos na cidade entre 2022 e 2024. O objetivo é ampliar e qualificar os serviços prestados à população niteroiense, marcando os 450 anos de fundação da cidade, comemorados em 2023. A expectativa é que o município tenha o maior volume de obras de sua história, com investimentos divididos em seis eixos: Saúde, Educação, Centro, Zona Norte, Sustentabilidade e Clima e Resiliência. As comunidades que não foram citadas aqui por mim não precisam se preocupar pois estamos anunciando apenas um primeiro grupo de intervenções. Muitas outras ainda virão, vamos anunciar novas frentes de trabalho para melhorar a cidade como um todo", explicou o prefeito de Niterói.


Além das obras em comunidades, 14 bairros também receberão, em breve, intervenções diversas de contenção de encostas, revitalização de fachada de escolas, revitalização de praças, canalização de córrego, drenagem de ruas, construção de unidade do médico de família e restaurações de edificações, entre outras. No total, serão 75 obras com ordem de início ainda este mês. Todas serão publicadas no Diário Oficial do Município. As intervenções serão feitas pela Empresa Municipal de Moradia, Urbanização e Saneamento (Emusa).


"Muitas dessas obras eram solicitadas há tempos por moradores e comerciantes e vão melhorar o dia a dia de quem vive, trabalha ou frequenta esses locais", afirmou o presidente da Emusa, Paulo Cesar Carrera.


Já o secretário de Obras de Niterói, Vicente Temperini, lembrou de promessas e compromissos anteriores:


"As obras de contenção são fundamentais pois preservam vidas e o patrimônio das pessoas que moram naqueles locais. Tínhamos há alguns anos 2 mil pontos de atenção. Muito já foi feito e muito ainda vai ser feito agora. Dentre todas essas obras eu quero destacar a de contenção realizada na subida da Caixa D'água, na passarela da Alameda São Boaventura há muito uma necessidade e uma demanda dos moradores”, afirmou.


Secretário municipal de Participação Social, Anderson Pipico, destacou o compromisso da atual gestão com as obras na cidade:


"Ser gestor é participar de uma corrida sem linha de chegada. O que vemos hoje aqui são apenas novas etapas, uma nova página, de outras obras que vão ser feitas em nossas comunidades para que a gente tenha sempre em Niterói a melhor cidade para se viver".


Também estiveram presentes à cerimônia de anúncio das obras o secretário de Defesa Civil e Geotecnia, Wallace Medeiros, a secretária de Planejamento, Orçamento e Gestão, Ellen Benedetti, o presidente da Federação das Associação de Moradores de Niterói (Famnit), Manoel Amâncio, e Binho Guimarães, representando a Câmara de Vereadores.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

300x250px.gif
728x90px.gif