top of page

Preso pastor acusado de estuprar enteada de 12 anos


Policiais da 67ª DP prenderam o pastor, na quarta-feira, na casa de um amigo em Belford Roxo (Reprodução)

Policiais da 67ª DP (Guapimirim) prenderam na quarta-feira (19) em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, um pastor de 57 anos acusado de cometer estupro de vulnerável, filmar cena pornográfica com adolescente e armazenar vídeo do crime. A vítima é sua enteada, de 12 anos. A polícia ainda investiga se o pastor, vinculado a uma igreja em Guapimirim, cometeu outros crimes sexuais contra crianças, uma vez que ele trabalhava como motorista de transporte escolar. Este foi o segundo caso de pastor preso na Baixada Fluminense em uma semana acusado de estuprar criança.


De acordo com as investigações, o homem é casado com a mãe da criança há dez anos e os abusos começaram há seis anos. A vítima não denunciava os abusos por medo de que o casal se separasse e ela perdesse contato com o irmão.


Os abusos foram descobertos pela mãe da menina na última segunda-feira (17), ao encontrar imagens e vídeos do crime no celular do marido. Após ser confrontado, o pastor ainda teria confessado os abusos porque não conseguia manter relações sexuais com a companheira diariamente. A confissão do crime ficou gravada também em telefonemas entre o pastor e fiéis da igreja. Ele foi encontrado pelo setor de inteligência da 67ª DP na casa de um amigo.


Na semana passada, um pastor de 47 anos foi preso em Nova Iguaçu, acusado de abusar sexualmente de uma menina de 13 anos por mais de três anos seguidos. Segundo a polícia, ele é casado com a avó da garota.

300x250px.gif
728x90px.gif
bottom of page