Quiosques em Charitas são alvo de furto na madrugada


Foto: Divulgação

Donos de quiosque na orla da Praia de Charitas, em Niterói, denunciaram que estão sendo alvos constantes de criminosos. Segundo os proprietários, os casos já foram denunciados à polícia, mas não houve mudança na rotina de crimes na região.


De acordo com os donos dos estabelecimentos, há cerca de três meses, os crimes começaram a ocorrer com mais frequência. Os criminosos invadem e furtam os quiosques espalhados pela orla principalmente no horário da madrugada e não há um alvo específico. Para evitar que o furto vire um assalto, os comerciantes mudaram suas rotinas e passaram a fechar mais cedo.


Apesar da situação preocupante, os proprietários explicaram que os clientes não estão sendo alvos dos criminosos. E quando furtam os estabelecimentos, levam produtos como cervejas, alimentos e até botijão de gás. Ainda segundo os donos dos quiosques, o caso já foi comunicado à Polícia Militar em várias ocasiões, mas até o momento nada mudou.


Procurada, a PM informou que "as equipes de suas unidades operacionais prendem diuturnamente inúmeros indivíduos durante cometimento em flagrante de práticas criminosas em todo o estado do Rio de Janeiro".


O comando do 12ºBPM (Niterói) também disse que "direciona esforços ao patrulhamento na região de Charitas, em Niterói, para prevenir e coibir quaisquer práticas criminosas, tais como furtos ou roubos, empregando o policiamento ostensivo dinâmico com viaturas e motocicletas e ações de abordagem."


Ainda segundo a polícia, é de suma importância que a população colabore realizando denúncias através do Disque-Denúncia (21) 2253-1177 ou, para casos urgentes, através da Central 190.


"Os registros em delegacias também são essenciais, pois colaboram com a revisão do planejamento operacional na área onde a mancha criminal é mais acentuada", finaliza a nota.

Ganhe_Ate_300x250px.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
Aumentou_728x90px.gif