Rússia diz que EpiVacCorona é 100% eficaz


(Foto: Divulgação/Rospotrebnadzor)

EpiVacCorona é a segunda vacina desenvolvida na Rússia contra o novo coronavírus. A primeira, a Sputnik V, foi desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya e registrada em 11 de agosto.

O Serviço Federal de Defesa dos Direitos dos Consumidores e Bem-Estar Humano da Rússia (Rospotrebnadzor), o órgão regulador russo semelhante à Anvisa brasileira, afirmou nesta terça-feira (19) que, com base nos resultados de testes clínicos, a segunda vacina russa contra a Covid-19, a EpiVacCorona, é 100% eficaz.

"A eficácia da vacina é composta de sua eficácia imunológica e sua eficácia preventiva. Com base nos resultados da primeira e da segunda fase dos ensaios clínicos, a eficácia imunológica da vacina EpiVacCorona é de 100%", lê-se no comunicado do Rospotrebnadzor.

A EpiVacCorona, desenvolvida pelo Centro Estatal de Pesquisa de Virologia e Biotecnologia Vektor, com sede em Novossibirsk, foi registrada em 13 de outubro. A Rússia iniciou testes em massa da EpiVacCorona em novembro.

A primeira vacina contra o SARS-CoV-2 desenvolvida no país, a Sputnik V, segundo os dados publicados pela fabricante russa, sua taxa de eficácia, medida em três etapas diferentes de testes, superou 90% em cada uma delas. Além disso, tem 100% de eficácia contra casos graves de Covid-19.


Fonte: Agência Sputnik

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg