Rainha Elizabeth II é sepultada após 11 dias de funeral


Pessoas no Hyde Park, em Londres, assistem ao funeral da rainha Elizabeth II (Foto: Alexey Vitvitsky/Sputnik)

A rainha Elizabeth II, do Reino Unido, foi sepultada neste segunda-feira (19) após um funeral que durou cerca de 11 dias. Autoridades internacionais, incluindo o presidente Jair Bolsonaro (PL), acompanharam o cerimonial.


Elizabeth II foi enterrada na Capela Memorial do Rei George VI no Castelo de Windsor após uma cerimônia de despedida que contou com mais de 2000 convidados.


Entre os presentes estavam diplomatas e chefes de Estado e governo de diversos países, como Jair Bolsonaro (PL) e o presidente do EUA, Joe Biden. A participação do presidente brasileiro, que chegou a discursar na Embaixada do Brasil em Londres, foi criticada por apoiadores.


Rússia e China estão entre os países que foram vetados pelas autoridades britânicas de participar do funeral. O Kremlin disse que o presidente Vladimir Putin não tinha intenção de participar.


No início do dia, um serviço fúnebre privado foi realizado. Estiveram presentes o filho de Elizabeth, o rei Carlos III, e outros membros da família real.


A falecida monarca foi enterrada ao lado de seu marido, o príncipe Philip. Os pais da rainha, o rei George VI e a rainha Elizabeth Bowes-Lyon, e sua irmã, a princesa Margaret, cujo corpo foi cremado de acordo com seus desejos, também descansam na mesma capela.


Em 8 de setembro, a rainha Elizabeth II do Reino Unido, que governou o reino e 14 reinos da Commonwealth por mais de 70 anos, morreu aos 96 anos. Seu filho mais velho, Charles III, foi oficialmente proclamado o novo rei do Reino Unido.


Fonte: Agência Sputnik

300x250_QuatroRodas.gif
728x90_PorqueArCondicionado.gif