Receita e MP apreendem 97 respiradores no Galeão


Os respiradores serão entregues à secretaria de Saude

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) e a Receita Federal apreenderam nesta terça-feira (9) 97 respiradores pulmonares importados da China por um consórcio empresarial, que teriam sido pagos com verbas de quase R$ 19 milhões desviadas dos cofres públicos. O material foi apreendido no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Galeão).

A apreensão autorizada pela 1ª Vara Criminal Especializada do Rio de Janeiro é um desdobramento da Operação Mercadores do Caos, que investiga práticas de sobrepreço, superfaturamento e antecipação de  ilegal de pagamentos à empresa Ozz Saúde pela Secretaria Estadual de Saúde do Rio.

Os respiradores serão entregues à Secretaria Estadual de Saúde para serem usados em pacientes com covid-19.

300x250_QuatroRodas.gif
728x90_PorqueArCondicionado.gif