top of page

Santa Teresa: novos motorneiros agilizam o vai e vem dos bondinhos

A chegada de novos motorneiros nos bondes de Santa Teresa já possibilita redução dos intervalos entre as viagens, beneficiando moradores e turistas. Esta semana, a Secretaria de Estado de Transporte e Mobilidade Urbana (Setram), por meio da Central Logística, determinou que o transporte seja ofertado a cada 15 minutos. Antes, a circulação era a cada 20 minutos.

Outra novidade é que o sistema recebeu o reforço de mais um coletivo, que estava em manutenção desde janeiro. Com isso, a operação volta a contar com cinco bondes.


No mês passado, 16 novos motorneiros, 16 auxiliares e dois supervisores começaram a atuar oficialmente no tradicional sistema. A contratação de novos profissionais não ocorria há mais de duas décadas. A iniciativa faz parte de um pacote de medidas de revitalização, incluindo obras de reforma e a retomada do trajeto original do transporte.


"Esse é mais um avanço do governo em direção à reestruturação desse importante transporte para o bairro de Santa Teresa. Há muito tempo os moradores reivindicavam mais atenção para os bondes e, agora, já estão podendo desfrutar das melhorias. Vamos continuar trabalhando incansavelmente em prol da mobilidade urbana do nosso estado", destacou o secretário Washington Reis.


Em média, 1.500 pessoas embarcam todos os dias no centenário transporte que, em 2024, vai completar 128 anos.


"Estamos muito satisfeitos em poder oferecer um serviço de transporte mais eficiente e acessível para os moradores e visitantes de Santa Teresa. A contratação dos novos motorneiros e o ajuste no intervalo entre as viagens são passos importantes para melhorar a experiência de quem utiliza os bondes", finalizou o presidente da Central Logística, Fabrício Abílio.

Obras de revitalização em andamento


A obra de revitalização do sistema, com o objetivo de modernizar a operação e proporcionar mais segurança e comodidade aos passageiros, teve início na primeira semana de janeiro de 2024. Até o final deste mês, os novos trilhos do Ramal Paula Mattos serão instalados ao longo de uma extensão de 480 metros, chegando até o Centro Municipal de Saúde Ernani Agrícola, na Rua Constante Jardim.


A previsão é que, no final do ano, os ramais Paula Mattos e Silvestre estejam em pleno funcionamento, atendendo a mais uma reivindicação dos moradores do bairro, que aguardam pela reativação dos trechos há mais de dez anos.


Fonte: Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page