top of page

SG recebe investimentos de R$ 800 milhões em obras

O Governo do Estado investe cerca de R$ 800 milhões em obras de mobilidade urbana, segurança, pavimentação, drenagem e urbanização em São Gonçalo, na Região Metropolitana. Realizadas pela Secretaria de Infraestrutura e Cidades (SEIC), as melhorias incluem a construção do corredor seletivo para ônibus, o Muvi – Mobilidade Urbana Verde Integrada –, com investimento de mais de R$ 260 milhões do PactoRJ. As obras começam ainda este mês.

Divulgação / Governo do Estado do Rio

Já nos preparativos finais para iniciar a construção, o Muvi irá beneficiar 120 mil passageiros por dia. O corredor expresso terá 18 km e 31 estações entre os bairros Neves e Guaxindiba. O projeto prevê também um novo terminal rodoviário em Alcântara.


"O investimento nessas obras de grande importância para os moradores de São Gonçalo vai mudar a realidade da cidade. Esse é um dos muitos compromissos que assumi com a população e estamos tirando do papel", afirmou o governador Cláudio Castro.


O programa Governo Presente nas Cidades vai iniciar nos próximos dias a pavimentação e drenagem pluvial do bairro Bom Retiro, beneficiando mais de 20 mil moradores. No total, serão investidos R$ 252 milhões.


Sustentabilidade


Outras intervenções acontecem nos bairros Jardim Alcântara e Praça do Rocha, com a implantação de uma ciclorrota para incentivar o uso de bicicletas com segurança aos ciclistas. O investimento é de R$ 12,7 milhões. O projeto vai interligar os bairros Rocha e Raul Veiga, contemplando mais de 175 mil pessoas.


"É um orgulho muito grande realizar essas obras, promovendo mudanças na infraestrutura de São Gonçalo e impactando a vida do gonçalense – destacou o secretário de Infraestrutura e Cidades, Uruan de Andrade.


As intervenções vão garantir o aproveitamento do espaço público, com a reforma de calçadas e passeios em um dos principais corredores de transportes de São Gonçalo. Será ainda importante ligação entre os dois principais núcleos urbanos da cidade: Praça do Rocha e Alcântara.


A conclusão da obra da ciclorrota está prevista para o fim deste ano. No momento, as intervenções estão 40% concluídas, com as etapas de fresagem e recapeamento totalmente executadas, no trecho da RJ-104 à Praça do Rocha.


"Essas obras vão melhorar São Gonçalo em vários aspectos, diminuindo o número de acidentes e melhorando o fluxo de trânsito", afirmou o morador de São Gonçalo e barbeiro, Breno Ornella.

Divulgação / Governo do Estado do Rio

Moradias

Os investimentos e melhorias para a população também contemplaram as moradias do município. É o caso das obras de recuperação dos conjuntos habitacionais Vila Lage I e II, composto por 1.080 unidades, além do Alair Pires, com 1.340 apartamentos.


Somadas, essas obras ultrapassam os R$ 24 milhões. As ruas do bairro Marambaia foram drenadas e pavimentadas, com quase 100% das intervenções concluídas e cerca de R$ 11 milhões investidos.

Outra importante demanda dos moradores é a obra de reconstrução de pavimento da RJ-106. Com investimentos de mais de R$ 88 milhões, as intervenções vão beneficiar quem trafega pela região.


O Café do Trabalhador, programa do Governo do Estado que fornece a primeira refeição do dia ao preço popular, também está na lista de melhorias de São Gonçalo, com a destinação de R$ 1,3 milhão.


Fonte: Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page