SG terá mutirão de cirurgia de hérnia em abril


Foto: Reprodução

Os mutirões para as cirurgias de hérnia no Hospital Luiz Palmier, no bairro Zé Garoto, em São Gonçalo, já têm data para começar. O primeiro está marcado para o próximo dia 2 de abril, quando dez pacientes serão operados. O procedimento ficou paralisado por quase dois anos devido à pandemia do coronavírus.


Ao todo, segundo a prefeitura de São Gonçalo, mais de 370 gonçalenses já foram chamados para realizar novas consultas e exames pré-operatórios para a marcação da cirurgia, que também acontece durante a semana.


“Como é a fila de espera mais longa entre as cirurgias na Central de Regulação, nós abrimos os mutirões aos sábados para agilizar os agendamentos, mas elas também continuam acontecendo durante a semana. Marcaremos outros mutirões para acelerar ainda mais a fila, pois a saúde não pode esperar”, disse o diretor geral do HLP, Lindemberg Soares.


O HLP conta com três salas para as intervenções e pode realizar, durante a semana, seis operações deste tipo, sem que as eletivas de outras especialidades sejam prejudicadas. A secretaria de saúde do município lembra que o mutirão vai atender as pessoas que já estão inseridas no sistema da Central de Regulação, que aguardam a cirurgia e passaram por procedimentos pré-operatórios.


Ainda segundo a pasta da Saúde, quem tem pedido médico para este tipo de operação pode ser inserido no sistema da Central de Regulação da Semsa em qualquer unidade de saúde da rede municipal. É muito importante que o gonçalense mantenha no cadastro, um número de telefone atualizado para que o agendamento seja realizado.


Atualmente, a fila da Central de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil de São Gonçalo tem 2.577 pessoas aguardando cirurgia de hérnia.

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg