Sindicatos reivindicam criação da Secretaria do Trabalho de Niterói

O Fórum Intersindical do Leste Fluminense encaminhou, nesta quinta-feira (30/6), ao prefeito Axel Grael e ao representante da Câmara Municipal, Jhonatan Anjos, um requerimento que reivindica a criação da Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda de Niterói. A proposta, referendada por 17 entidades sindicais, representantes de milhares de trabalhadores de municípios do Leste Fluminense, foi entregue durante o ato de instalação e cerimônia de posse do Conselho Deliberativo de Trabalho Emprego e Renda (Codemter) da cidade, no Teatro Popular Oscar Niemeyer.

Divulgação

Marco Antônio Lagos Vasconcellos, o Marquinho da Força, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Gonçalo e coordenador do Fórum, afirma que a criação da secretaria é uma reivindicação histórica dos trabalhadores do Leste Fluminense.


“Nesse momento é uma grande honra poder formalizar esse pedido junto às autoridades dos poderes Executivo e Legislativo”, diz Marquinho, que fez a entrega do documento para Axel e para o representante legislativo.


José Juvino, diretor do Sindicato dos Empregados de Edifícios de Niterói e Região (Seen), também coordenador do Fórum Intersindical, argumenta que a Secretaria Municipal de Trabalho de Niterói existiu em gestões anteriores do PDT, ainda quando o presidente do partido, Carlos Lupi, era Ministro do Trabalho.


Ele lamenta, no entanto, que os governos Federal e Municipal, ainda que tenham “visões divergentes na forma de governar”, tomem as mesmas decisões sobre a questão do trabalho.


“O Federal extinguiu o Ministério do Trabalho; o Municipal revogou a Secretaria de Trabalho em 2013. Ou seja, há um descaso generalizado em relação a questões importantes para os trabalhadores”, avalia Juvino.

300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif