top of page
banners dengue balde niteroi 728x90 29 2 24.jpg

Trump é punido com suspensão de 2 anos no Facebook


(Fotos Públicas)

A rede social Facebook confirmou, nesta sexta-feira (4), a suspensão da conta do ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, por dois anos. O Conselho de Supervisão do Facebook havia bloqueado as contas de Trump no início deste ano após a invasão no Capitólio incitada por suas publicações nas redes sociais.

"Dada a gravidade das circunstâncias que levaram à suspensão de Trump, acreditamos que suas ações constituíram uma violação grave de nossas regras, pelo que merecem a maior penalidade disponível de acordo com os novos protocolos de aplicação [da lei]. Estamos suspendendo suas contas por dois anos, a partir da data da suspensão inicial em 7 de janeiro deste ano", disse a empresa.

O Facebook acrescentou que "ao estabelecer a sanção de dois anos por violações graves, consideramos a necessidade desta ser longa o suficiente para permitir um período de tempo seguro após os atos de incitamento, [período] significativo o suficiente para evitar que Trump e outros indivíduos cometam tais violações graves no futuro".

A empresa afirmou que políticos não terão mais imunidade para a partilha de conteúdo enganoso ou abusivo na rede social. De acordo com o vice-presidente da rede social, Nick Clegg, a empresa irá buscar especialistas para avaliar o risco para a segurança pública: "Avaliaremos fatores externos, incluindo casos de violência, restrições a reuniões pacíficas e outros indicadores de agitação civil", afirmou.

A decisão é uma resposta às recomendações do Conselho de Supervisão da empresa, que, no mês passado, manteve Donald Trump suspenso indefinidamente, concordando que duas das postagens do então ainda presidente dos EUA, em 6 de janeiro, "violaram gravemente" os padrões de conteúdo tanto do Facebook quanto do Instagram.

Como consequência da invasão do Capitólio por apoiadores de Trump em 6 de janeiro, uma ex-combatente norte-americana morreu, várias pessoas ficaram feridas e cerca de 440 foram presas. Cerca de 125 destes respondem na Justiça sob acusação ​​de invasão, impedimento de aplicação da lei e agressão a policial.


Com informações da Sputnik

コメント


Chamada Sons da Rússia5.jpg
banners dengue balde niteroi 300x250 29 2 24.jpg
Divulgação venda livro darcy.png
bottom of page