Trump diz que Brasil foi na contramão e vive "surto" de coronavírus


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta terça-feira (28) que o Brasil tem um 'surto de coronavírus' e que o avanço da pandemia no país tem sido diferente do que é registrado nos outros países da região. A declaração de Trump foi dada durante uma coletiva de imprensa no Salão Oval da Casa Branca, em conjunto com o governador da Flórida Ron De Santis. "O Brasil tem praticamente um surto, como vocês sabem, eles também foram de uma maneira diferente de outros países na América do Sul, se você olhar os gráficos você vai ver o que aconteceu infelizmente com o Brasil. Então estamos olhando muito de perto e em coordenação com outros governadores, especialmente com o Ron", disse Trump, citado pelo jornal O Estado de S.Paulo. Trump questionou De Santis se ele não cogitava banir voos do Brasil para a Flórida, um dos principais destinos internacionais de brasileiros. "Não necessariamente", disse o governador. "Se você precisar, nos avise", disse Trump para De Santis. O presidente dos EUA também disse que o país está considerando testar passageiros de voos internacionais provenientes de locais com grande número de casos de coronavírus, acrescentando que o Brasil pode ser incluído nesta medida. "Estamos elaborando um sistema pelo qual testaríamos (os passageiros) e estamos trabalhando com as companhias aéreas sobre isso", afirmou Trump.


Fonte: Sputnik Brasil

300x250_QuatroRodas.gif
728x90_PorqueArCondicionado.gif