top of page
banner niteroi carnaval 780x90px 16 02 24.jpg

UFRJ: Semana da Inovação comemora 20 anos do Parque Tecnológico


O Parque Tecnológico da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) realiza a partir desta terça-feira (25) até quinta-feira (27) a Semana da Inovação, primeira atividade comemorativa dos 20 anos da instituição. “A gente espera ter dez semanas ao longo do ano, com eventos sobre diferentes temas”, informou o diretor do parque, Vicente Ferreira.


A programação é gratuita e aberta ao público, e pode ser acessada na página da UFRJ.


A semana terá transmissão ao vivo pelo canal do parque no Youtube. Todas as atividades acontecerão na Inovateca, espaço para eventos do Parque Tecnológico.


As inscrições para participar presencialmente das atividades pode ser feita na página do parque.


Na quarta-feira (26) será realizado o IP Day, em comemoração ao Dia Mundial da Propriedade Intelectual que, este ano, terá como tema Mulheres e Propriedade Intelectual: acelerando a inovação e criatividade.


O IP Day é realizado pelo parque em parceria com a InovaUFRJ, núcleo de inovação tecnológica da universidade; a Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI); o Escritório de Marcas e Patentes dos Estados Unidos (USPTO, do nome em inglês) e o Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi).


O programa prevê apresentação de cases de sucesso, de empreendedoras de tecnologias para o futuro; debate sobre inovações feitas por, para e com mulheres e a importância de inovações voltadas exclusivamente para o público feminino; e a roda de conversa Mulheres em Propriedade Intelectual - Atuação profissional e mercado de trabalho.


Mulheres

Nos dias 25 e 27, haverá uma série de palestras no Inovateca. “E tem uma coisa que me dá orgulho. É que todas são palestrantes mulheres. A gente estava muito preocupado, desde que começou a projetar os eventos dos 20 anos do parque, e conseguimos que na primeira semana, cem por cento das pessoas que vão fazer palestras sejam mulheres. Para a gente, isso é um marco muito importante, porque faz diferença, que é trazer vozes femininas para a questão da inovação”, disse Vicente Fereira.


De acordo com dados da InovaUFRJ, 87% dos pedidos de patentes formulados pela instituição no período de 2017 a 2021 têm ao menos uma mulher listada entre os inventores. Das 148 patentes realizadas no período, totalizando 816 pessoas, houve participação de 373 mulheres.


Vicente Ferreira disse que, na área acadêmica, isso é muito marcante porque, quando um pesquisador submete um artigo para um periódico, quem avalia se o artigo está em um nível adequado para ser publicado naquele journal não sabe quem escreveu. “Isso é o que a gente chama de blind review [avaliação cega], porque o revisor é cego em relação aos autores, ou seja, não conhece quem escreveu sobre as descobertas relatadas”.


Ferreira disse que, praticamente, todos os periódicos sérios adotam essa metodologia de revisão. “Aí, você vê que as mulheres conseguem índices maravilhosos de publicação, porque não tem possibilidade de discriminação. É muito legal. Quando se vai para a questão da invenção, a mesma coisa ocorre. A gente percebe que as mulheres têm uma capacidade de produção de novas tecnologias dentro do ambiente acadêmico que é para dar orgulho para todos nós”, celebrou.


Tecnologias

Durante os três dias de evento serão expostas mais de 20 tecnologias desenvolvidas dentro dos laboratórios da UFRJ por professores, alunos e parceiros. Estão na Mostra de Inovação um barco movido a energia solar, carros de competição, robótica, veículos subaquáticos autônomos, equipamentos aeroespaciais, serviço digital para pessoas refugiadas e migrantes forçados no Brasil, tecnologia para detecção de câncer de próstata através de exame de urina, cosméticos antiatrito à base de algas, produto e processo de biorremediação de ambientes contaminados por óleos, entre outras inovações.


Fonte: Agência Brasil

Chamada Sons da Rússia5.jpg
banner niteroi carnaval 300x250px 16 02 24.jpg
Divulgação venda livro darcy.png
bottom of page