Virada do ano em Niterói: fogos em dez pontos da cidade


O prefeito Axel Grael vistoriou, nesta quarta-feira (29/12), dois dos dez pontos de queima de fogos de artifício para o Réveillon da Esperança de Niterói. Acompanhado da secretária municipal de Conservação, Dayse Monassa, e do secretário municipal de Defesa Civil e Geotecnia, coronel Walace Medeiros, o prefeito esteve no Forte do Pico, em Jurujuba, e no Mirante da Vila Ipiranga, no Fonseca. Neste ano, ainda em razão da pandemia do novo coronavírus, o réveillon de Niterói não terá shows e fogos nas praias.

Divulgação / Prefeitura de Niterói

Os dez pontos de queima de fogos de artifício estão distribuídos por toda a cidade e foram escolhidos de forma estratégica para que a população possa acompanhar o espetáculo pirotécnico de casa e, desta forma, evitar aglomerações. A queima de fogos é patrocinada pela concessionária Águas de Niterói. O gerente de operações da empresa, Thiago Santana, acompanhou o prefeito na vistoria.


Além de garantir a melhor visibilidade possível, os fogos de artifício foram colocados em locais totalmente seguros para a população e sem risco para o meio ambiente. A queima de fogos vai ocorrer de forma homogênea e simultânea nos dez pontos e vai durar de 11 a 12 minutos. Os fogos são de baixo estampido para evitar poluição sonora e preservar, principalmente, idosos, enfermos e animais domésticos.


Cada local terá uma tonelada e meia de fogos em várias cores, com o predomínio do dourado, e que formarão figuras de flores, estrelas e cometas. Os fogos terão alcances de 120 e 80 metros de altura, o que corresponde a prédios de 40 e 26 andares. Cada ponto terá dois bombeiros com todos os equipamentos necessários para a eventualidade de uma emergência.


No Forte do Pico, o prefeito Axel Grael fez a vistoria com o sub-comandante do Complexo do Forte Barão do Rio Branco, tenente coronel Elisandro Rodrigues de Freitas Cunha, e com o gestor cultural do Complexo, capitão Constantino Castricini. Os fogos neste ponto poderão ser vistos por moradores de Jurujuba, São Francisco, Charitas e parte de Icaraí. Axel destacou que o réveillon foi planejado para ocorrer de forma segura e para evitar aglomerações.


“As festas e os shows nas praias da cidade não são apropriados para este momento, já que ainda estamos enfrentando a pandemia. Nós optamos em ter os fogos em dez pontos diferentes da cidade. Pontos de muita visibilidade e que permitem que as pessoas tenham acesso e possam, de casa, reunir familiares e amigos em grupos menores e celebrar essa transição para um ano de esperança que é 2022. É uma forma segura e mais inovadora que, quem sabe, nos inspire a fazer uma coisa mais descentralizada nos próximos anos”, afirmou o prefeito.


No Mirante da Vila Ipiranga, o prefeito vistoriou os fogos de artifício acompanhado do secretário regional do Fonseca e de líderes comunitários. Neste ponto, o espetáculo pirotécnico poderá ser acompanhado por moradores do Fonseca, Engenhoca, Ilha da Conceição e parte do Barreto. A secretária municipal de Conservação, Dayse Monassa, afirmou que a população deve localizar o ponto de queima de fogos mais próximo da residência para celebrar a chegada de 2022.


“Os pontos foram escolhidos com muito cuidado, para que as pessoas possam ver a queima de fogos e, ao mesmo tempo, evitem aglomerações”, disse a secretária.


O presidente da Associação dos Moradores da Vila Ipiranga, André Praxedes, afirmou que a comunidade e todo o bairro do Fonseca ficaram muito felizes com a escolha da Prefeitura. Praxedes disse que os moradores vão evitar as aglomerações.


“Vamos fazer um cordão de isolamento na área do Mirante. Todos vão comemorar a chegada do ano novo, mas com muito cuidado e responsabilidade”, acrescentou o presidente da associação.

Divulgação / Prefeitura de Niterói

Dez pontos de queima de fogos em Niterói:


- Barreto – Estação de Tratamento de Esgoto (ETE)

- Fonseca – Mirante da Vila Ipiranga

- Caramujo – Parque Esportivo do Caramujo

- Pendotiba – Reservatório de Água do Badu

- Santa Rosa – Monumento Nossa Senhora Auxiliadora

- Ingá – Macquinho (Morro do Palácio)

- Icaraí – Reservatório de Água do Morro do Cavalão

- Jurujuba – Forte do Pico

- Camboinhas/Piratininga – Reservatório de Água de Camboinhas

- Itaipu – Loteamento Boavista (em frente ao Corpo de Bombeiros)


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg