728x90_2.gif

Axel inclui rodoviários e professores na vacinação prioritária

O prefeito Axel Grael divulgou na noite desta sexta-feira, pela sua conta no Twitter, que determinou à Secretaria de Saúde de Niterói que os rodoviários e os professores sejam incluídos como prioridades na vacinação contra a covid-19 "o mais rapidamente possível". As duas categorias lutam para figurarem entre as que passarão a ser imunizadas de forma prioritária na próxima fase de vacinação.


Poucas horas antes, os rodoviários de Niterói, São Gonçalo, Maricá, Itaboraí e Tanguá haviam divulgado uma nota oficial, reafirmando a determinação de parar as atividades de transporte coletivo nessas cidades na segunda-feira, 26.

Embora a categoria tenha sido reconhecida como prioritária na vacinação pelo Ministério da Saúde, essas cidades do Leste Fluminense não haviam decidido incluí-la ainda no plano de imunização. Até agora, 51 rodoviários da base do Sintronac já morreram em decorrência da covid.

Niterói é a única cidade que vinha mantiendo negociações entre a prefeitura e os trabalhadores, através do coordenador de Trabalho e Renda do município, Brizola Neto, que comemorou a decisão do prefeito Axel Grael.

"Fico feliz pelo reconhecimento da nossa prefeitura à justa reivindicação de rodoviários e professores, como grupos prioritários na vacinação contra a covid. É uma demonstração de grande sensibilidade do prefeito Axel Grael diante da condição de risco desses trabalhadores tão importantes na nossa sociedade", afirmou Brizola Neto.


Brizola Neto (no centro da foto, abraçado com o presidente do Sintronac, Rubens Oliveira) comemorou a decisão

O Sindicato dos Rodoviários (Sintronac) ainda não se pronunciou se haverá mudanças na posição de greve assumida pela categoria. No entanto, ao contrário de Niterói, as outras quatro cidaders - São Gonçalo, Itaboraí, Maricá e Tanguá - não se posicionaram. É possível que os rodoviários decidam pema manutenção da greve com a possibilidade de circulação dos ônibus municipais de Niterói, mas isso só deverá ser decidido ao longo deste sábado.


Abaixo, o texto da nota oficial:


"O Sindicato dos Rodoviários de Niterói a Arraial do Cabo (Sintronac) reitera que a paralisação da categoria ocorrerá na segunda-feira (26/04), com concentração pela manhã no Terminal Rodoviário João Goulart, Centro de Niterói, envolvendo trabalhadores das empresas com base nos municípios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí, Maricá e Tanguá, conforme definido em plebiscito. Esses profissionais ainda não foram indicados pelas prefeituras dessas cidades para o grupo prioritário de imunização contra o Covid-19, apesar de incluídos no Plano Nacional de Vacinação e existir uma Lei estadual sancionada nesse sentido. Até esta sexta-feira (23/04), 51 rodoviários da base do Sintronac morreram em consequência da doença."


O presidente do sindicato, Rubens Oliveira, gravou um vídeo em que explica à população as razões da paralisação. Veja o vídeo: