top of page

Equipe da Prefeitura visita obras no Parque Orla de Piratininga


Uma equipe da Prefeitura de Niterói fez uma visita técnica às obras do Parque Orla de Piratininga (POP), nesta terça-feira (16/11). O grupo percorreu vários trechos que estão sendo construídos. O projeto da Prefeitura de Niterói contempla a recomposição vegetal da orla da Lagoa de Piratininga, abrangendo uma área de mais de 150 mil metros quadrados e a implantação de cerca de 10 quilômetros de sistema cicloviário ao longo de toda a orla, além de espaços para lazer e esporte.

Foto: Douglas Macedo / Prefeitura de Niterói

O prefeito de Niterói, Axel Grael, acompanhou a vistoria e destacou que o POP é um projeto inovador e único no país que vai atender as demandas da população em termos de recreação e lazer, além de cumprir a função ecológica de proteção de todos os ecossistemas do entorno, mas principalmente o projeto é uma das medidas para recuperação do sistema lagunar de Piratininga e Itaipu.


“Estamos no Parque Orla de Piratininga Alfredo Sirkis verificando o avanço das obras. Estamos vendo os tanques de decantação e a construção dos jardins filtrantes que limparão toda água de drenagem que vem da cidade e chega até a Lagoa de Piratininga. As obras estão avançando e as ciclovias sendo implantadas no entorno da lagoa”, disse o prefeito.


O prefeito destacou ainda que, no trecho diante da Ilha do Modesto, a ciclovia já está sendo implantada junto com a calçada. “O local receberá mudas de manguezais que vão compor parte da faixa da orla e vai receber um píer de contemplação para passeio e descanso”, contou ele.


Conforme dito pelo prefeito, o projeto do POP será um passo fundamental para a despoluição da lagoa que terá como um dos diferenciais a implantação de um sistema de gestão de águas pluviais composto por bacias de sedimentação, jardins filtrantes, jardins de chuva e biovaletas para a captação e tratamento das águas provenientes dos rios e da rede de drenagem das principais bacias contribuintes à Lagoa de Piratininga.


As obras do Parque integram o Programa Região Oceânica Sustentável (PRO Sustentável) e encontram-se em implantação, nas vertentes de infraestrutura verde e paisagismo, urbanização e edificações. Atualmente, estão sendo implantados os jardins filtrantes, que constituem em ações inovadoras na linha de soluções baseadas na natureza, adotadas em países que vêm privilegiando a proteção do meio ambiente. Essas estruturas, além de comporem paisagisticamente o ambiente, tratam as águas dos rios e de escoamento superficial antes de aportarem à Lagoa de Piratininga.

Foto: Douglas Macedo / Prefeitura de Niterói

A coordenadora do PRO Sustentável, Dionê Marinho Castro, destacou a ideia de transformar o local em um projeto sustentável também no que diz respeito ao trânsito de pessoas.


“É importante destacar que precisamos implantar a cultura da Estrada Parque. No entorno da lagoa, a pista de carro é estreita. A prioridade para a Estrada Parque é que o trajeto se dê por meio de caminhadas e bicicletas com a chegada da ciclovia ao local e dos espaços contemplativos. A pista de rolamento está sendo construída para atender aos moradores do entorno que tem garagem voltada para a lagoa”, reforçou.


Fernando dos Santos Moraes é líder comunitário da Região do Cafubá e contou que os moradores estão gostando bastante das obras. “Eles acreditam que a região vai melhorar com a chegada da ciclovia e do asfalto. A expectativa é que o local atraia turistas e melhore o comércio e o trabalho”.


O projeto do POP contempla ainda praças com equipamentos de esporte, lazer, mirantes e um centro ecocultural, na antiga área do Iate Clube de Piratininga.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page