top of page

Festival Mulher entrega Prêmio Inês Ettienne Romeu

A Prefeitura de Niterói vai encerrar, nesta quarta-feira (30/3), a extensa programação de atividades em comemoração ao mês das mulheres. No último dia do Festival Mulher será entregue o Prêmio Inês Ettienne Romeu, que está em sua sétima edição e é uma homenagem a 10 mulheres com atuação relevante na defesa dos direitos das mulheres na cidade de Niterói em diferentes áreas. A noite será encerrada com um show da cantora, poetisa, jornalista, escritora e atriz, Elisa Lucinda, com a participação do maestro Luís Filipe de Lima. A atividade acontece a partir das 18h na Sala Nelson Pereira dos Santos.

Divulgação

O evento é uma realização da Coordenadoria de Política e Direitos da Mulher (Codim). A secretária da pasta, Fernanda Sixel, conta sobre a importância do prêmio e do papel de cada mulher na ação de mudança cultural da sociedade.


“O Prêmio Inês Ettienne Romeu é um reconhecimento à luta e o trabalho das mulheres na promoção dos direitos femininos. Recebemos 25 indicações e 10 mulheres de diferentes áreas de atuação dentro do nosso município serão contempladas. É uma alegria e merecido registro que a Prefeitura de Niterói, através da Codim e do Conselho de Políticas para as Mulheres, faz neste momento”, destacou Fernanda.


A premiação acontece uma vez ao ano e tem por objetivo dar visibilidade às ações de atuação na defesa dos Direitos das Mulheres pela promoção da emancipação das mulheres, pela difusão de seus direitos ou pela prestação de serviços relevantes à comunidade que tangenciam a pauta e os Direitos das Mulheres.


"A construção de uma sociedade verdadeiramente democrática com respeito e equidade de gênero é responsabilidade de todos nós, governo e sociedade civil. As premiadas são exemplos de que ‘ninguém precisa esperar um momento específico para melhorar o mundo’”, disse a secretária.


O prêmio Inês Etienne Romeu leva o nome em homenagem à historiadora falecida em 27 de abril de 2015, aos 72 anos. Inês foi presa na ditadura militar, sendo a única sobrevivente a ser libertada da chamada Casa da Morte em Petrópolis (RJ). Mineira, ela viveu em Niterói nos seus últimos anos e adorava a cidade.


Mulheres homenageadas com o prêmio Inês Etienne Romeu 2022


1 - Jaqueline Santana de Oliveira Allen ( Câmara Comunitária de Mulheres do Largo da Batalha)

2 - Marilene da Silva Lima de Oliveira (Abrario / Projeto Lucas Esperança)

3 - Haidee Antunes Rosa (União Brasileira de Mulheres)

4 - Thereza Helena Eller Silveira (Mover Movimento Viver)

5 - Graziella Caridade Santoro (Associação Alcoolismo Feminino)

6 - Celecina Rodrigues dos Santos ( Fórum de Mulheres Negras de Niterói)

7 - Maria dos Anjos Rodrigues Alves (FAMNIT)

8 - Fátima Fernandes de Sousa Christo (Point do Idoso - Associação Brasileira de Prevenção e Qualidade de Vida ao Idoso)

9 - Marilha Boldt ( Superação da Violência Doméstica)

10 - Regina Coeli Vieira da Silveira e Silva (Rotary Club Niterói Norte)


Quinta D'Elas


Na quinta-feira (31/3), a Codim realiza o evento a Quinta D´elas, um bate papo intimista, às 18h, na Sala Carlos Couto (Rua Quinze de Novembro, 35, Centro). A edição de março vai abordar o tema Sexualidade Feminina com a Terapeuta Integrativa de Saúde Mental e Sexual de Mulheres, Marcele Jordão.


Serviço


Encerramento do Festival Mulher com entrega do Prêmio Inês Ettienne e apresentação de Elisa Lucinda com a participação do maestro Luís Filipe de Lima

Data: 30/03/2022

Horário: A partir das 18h

Local: na Sala Nelson Pereira dos Santos (Av. Visconde do Rio Branco, 880 - São Domingos)


*A entrada será por ordem de chegada e o espaço tem limite de lotação. É imprescindível o uso de máscara e apresentação da carteira de vacinação.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói


Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page