top of page

Fotos da visita de Fidel a Niterói farão parte de acervo cubano

No dia 30 de junho de 1999, o então presidente de Cuba, Fidel Castro, visitou a cidade de Niterói. Ele foi ao Morro do Palácio, no bairro do Ingá, para inaugurar uma unidade do programa Médico de Família, inspirado no modelo cubano de atendimento médico comunitário. Niterói foi pioneira no Brasil na implantação do sistema de saúde baseado no Médico de Família. O programa foi copiado por várias outras cidades brasileiras até ser adotado como modelo para todo país pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A visita foi registrada pelo fotógrafo Paulinho Muniz.

As imagens da passagem de Fidel pela cidade fluminense foram entregues pelo jornalista Luiz Augusto Erthal, editor-executivo do Jornal TODA PALAVRA — que participa em Havana da conferência 'Nova Operação Verdade', entre os dias 21 e 23 de janeiro — a Aleída Guevara, filha de Che, e ao diretor do Centro Fidel Castro Ruz, René González Barrios.Elas passarão a fazer parte do acervo do centro cubano.


Em sua visita a Niterói, Fidel também conheceu o Museu de Arte Contemporânea, projetado por Oscar Niemeyer, com quem se encontrou naquele dia. Lá, recebeu a Comenda Araribóia, a mais alta condecoração do município, oferecida pelo então prefeito da cidade, Jorge Roberto Silveira, um militante trabalhista histórico, filiado até hoje ao PDT.


Foi também Jorge Roberto Silveira quem organizou, em seu primeiro mandato como prefeito de Niterói, em 1992, o 'Encontro com Cuba', um evento multicultural que reuniu na cidade fluminense artistas e intelectuais cubanos durante uma semana histórica que ajudou a reatar os laços de amizade entre cubanos e brasileiros após o fim da ditadura militar estabelecida no Brasil em 1964 com a apoio dos Estados Unidos.


Veja as imagens na galeria:

Fotos: Paulinho Muniz


Ex-capital do Estado do Rio de Janeiro, Niterói - separada da cidade do Rio de Janeiro pela Baía de Guanabara - foi e permanece, antes e depois do golpe fasciasta de 1964, como uma cidadela do trabalhismo e dos ideais socialistas no Brasil. Foi lá que também nasceu o Partido Comunista do Brasil, nos anos 20 do século passado.


Desde a redemocratização plena do país, em 1988, o governo da cidade é alternado entre o PDT (partido de Leonel Brizola, amigo e companheiro de Fidel Castro na luta pelo socialismo no Brasil, morto em 2004), e o PT de Lula, atual presidente brasileiro.


Niterói também é a sede do jornal e da rádio TODA PALAVRA, que se orgulha de participar, a convite da Prensa Latina, como delegado brasileiro na 'Nueva Operación Verdad' neste janeiro de 2024, 65 anos depois da histórica conferência de imprensa convocada por Fidel Castro para desmascarar as mentiras da mídia imperialista contra a Revolução Cubana.


Sobre o fotógrafo


Paulinho Muniz é fotógrafo há mais de 50 anos em Niterói e no Rio de Janeiro. Atuando na área de jornalismo, acompanhou toda a construção do projeto Caminho Niemeyer para o prefeito Jorge Roberto Silveira.


Fotografou para o jornal O Pasquim, a revista Casseta e Planeta e realizou várias exposições como representante da Sociedade Fluminense de Fotografia. Ganhou recentemente uma medalha de bronze no concurso Brasília Photo Show, em dezembro de 2023.


Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page