Niterói cria Núcleo de Atendimento para Refugiados

A Prefeitura de Niterói, por meio da Secretaria Municipal de Direitos Humanos, anunciou nesta sexta-feira (19/11), a criação do Núcleo de Atendimento para Migrantes e Refugiados, em parceria com a Organização Internacional para as Migrações (OIM - ONU Migração) e o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR), ou Agência da ONU para Refugiados.

Divulgação / SMDH

"Estou muito entusiasmado com essa iniciativa. Teremos uma equipe interdisciplinar preparada para atender, orientar e integrar essa população", destacou o secretário de Direitos Humanos, Raphael Costa.


A parceria tem, como um dos vértices, a capacitação da equipe para o trabalho no Núcleo. De acordo com dados do Programa Caritas (Programa de Atendimento a Refugiados e Solicitantes de Refúgio, no Rio de Janeiro), Niterói tem mais de 2 mil refugiados residentes na cidade.


Coordenadora de Proteção do ACNUR, Sílvia Sander, contou que a criação do Núcleo Especializado representa um enorme avanço para a proteção e integração dessas populações em Niterói e no estado do Rio de Janeiro e é um exemplo a outros municípios.


“A Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) seguirá apoiando a Prefeitura de Niterói no fortalecimento do Núcleo e da rede pública local para o melhor atendimento de refugiados e migrantes que enxergaram em Niterói um caminho para recomeçar e para contribuir com a comunidade acolhida. A capacitação de hoje faz parte dessa cooperação e demonstra o compromisso do município com a pauta", reforçou.


O coordenador de programas da OIM no Rio de Janeiro, Diogo Félix ressaltou que a capacitação da equipe do núcleo e de outros funcionários da prefeitura foi um compromisso que a OIM assumiu quando assinou o acordo de cooperação com Niterói.


"Estamos muito satisfeitos com o resultado e o empenho do município em desenvolver um atendimento qualificado para pessoas migrantes e refugiadas. Niterói tem potencial para se tornar uma referência para outros governos locais em matéria de política pública migratória", falou o coordenador da OIM.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói



Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg