top of page

Nova operação verdade une mídia independente contra fake news

Atualizado: 9 de mar.

Por Luiz Augusto Erthal (Enviado especial do jornal TODA PALAVRA e delegado brasileiro na Nova Operação Verdade)


Havana - Com a presença do presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel, foi aberta oficialmente na manhã deste domingo (21/1), em Havana, a Nova Operação Verdade, organizada pela agência de notícias de Cuba, Prensa Latina, com apoio da rede de imprensa árabe Al Mayadeen.

Trata-se de uma conferência internacional de imprensa, com a participação de jornalistas e delegados de mais de 30 países de todos os continentes, inspirada na Operação Verdade convocada em 1959 por Fidel Castro, que reuniu 400 jornalistas estrangeiros em Havana depois da vitória da Revolução Cubana para mostrar ao mundo a verdade sobre o novo processo político de Cuba e combater a campanha de desinformação contra o movimento castrista movida então pelas agência internacionais de notícias americanas AP e UPI.



A conferência, que se estende até amanhã no Royalton Hotel Havana reúne, além dos delegados, representantes de organizações internacionais de imprensa, dirigentes de setores governamentais de comunicação de vários países, além de ativistas políticos e humanitários.

Como em 1959, o objetivo do encontro é combater principalmente as fake news e a cobertura tendenciosa realizada neste momento principalmente pela mídia ocidental sobre o massacre do povo palestino em Gaza e a guerra híbrida travada pelos Estados Unidos e pela OTAN, através da Ucrânia, contra a Rússia.


Entre os palestrantes e delegados que se manifestaram nesse primeiro dia, ficou claro um consenso de que os jornais livres, a imprensa independente e as redes de notícias do chamado Sul Global devem se unir contra a promoção das fake news.

Para Aleída Guevara, filha do líder revolucionário Che Guevara, a conferência é uma continuação da Operação Verdade de 1959:


“Eu penso que essa não é uma nova operação, mas uma continuação da Operação Verdade. É a mesma Operação Verdade que necessitamos desde sempre para dizer ao povo o que está acontecendo para que o mundo o compreenda. E hoje necessitamos dessa operação mais do que nunca, não somente por Cuba, mas também pelo resto da América Latina e muito especialmente por Gaza. É muito importante que as pessoas unam suas forças pela luta de um povo como o da Palestina”, avalia Aleída.


Operação Verdade: passado e presente


Janeiro de 1959


Os guerrilheiros de Sierra Maestra haviam acabado de derrotar as tropas do ditador Fulgencio Batista e entrado triunfalmente em Havana. Todavia, a luta não estava terminada. Um outro inimigo ainda mais poderoso se levantara contra a Revolução: a campanha de mentiras e desinformação lançada a nível mundial pela imprensa imperialista, comandada pelas agências norte-americanas de notícias AP e UPI.

Reprodução

Fidel Castro convoca, então, uma histórica conferência de imprensa, que ficou conhecida como 'Operação Verdade'. A capital cubana recebe cerca de 400 jornalistas de todo mundo, convidados pelo líder revolucionário, que lhes mostra pessoalmente a verdade sobre a Revolução Cubana, como, por exemplo, os julgamentos em que, a exemplo de Nuremberg, torturadores, assassinos e criminosos de guerra foram apenados e punidos.

Reprodução

Janeiro de 2024


Passados 65 anos, recrudesce a luta contra o mesmo inimigo, fortalecido agora pela capacidade de massificação instantânea de suas mentiras através da internet. Os cabos das decadentes agências internacionais de notícias foram substituídos pelas chamadas redes sociais — Facebook, X, Instagram, YouTube, etc. — e o processo midiático de desinformação é conhecido hoje como “fake news”.


Nascida poucos meses depois da histórica conferência de imprensa convocada por Fidel para combater a ação da mídia imperialista, a agência de notícias cubana Prensa Latina organiza, 65 anos depois, 'A Nova Operação Verdade'.


Mais uma vez, jornalistas de todo o mundo se reúnem em Havana, agora para discutir novas estratégias de ação da imprensa independente e manter viva a luta contra a desinformação a nível global.


Assista a reportagem sobre a Nova Operação Verdade em vídeo no canal do TODA PALAVRA no YouTube:




Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page