Operação contra narcomilícia em SG tem 1 morto e 17 presos


(Divulgação)

Uma operação da Polícia Civil do Rio contra a narcomilícia em São Gonçalo deixou pelo menos um morto e 17 presos na manhã desta sexta-feira (19) no complexo do Boaçu. De acordo com as investigações, a quadrilha atua no tráfico de drogas, roubos de carga e em outras modalidades criminosas, como ocupação de solo urbano e extorsões contra grandes fábricas, empresas e comércio da região, além de exploração de transporte ilegal de passageiros e de TV a cabo.

Participam da operação agentes da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC), com o apoio de unidades do Departamento-Geral de Polícia Especializada (DGPE) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core).

Narcomílcia na Região Metropolitana

Estudo realizado por pesquisadores da UFF e da USP, divulgado no ano passado, revelou o mapa dos grupos armados do estado do Rio de Janeiro. Os dados são alarmantes: a abrangência das milícias na Região Metropolitana do Rio já soma um total de 199 bairros e uma população de 3,6 milhões de moradores sob seu controle. Há ainda, segundo os pesquisadores, áreas em disputa entre as organizações criminosas denominadas Milícia, Comando Vermelho, Terceiro Comando e Amigos dos Amigos outros 165 bairros, abrangendo uma população de 4,4 milhões de cidadãos fluminenses.

Na capital fluminense, as milícias já controlam 41 bairros e uma população de 2.178.620 cariocas. Nada menos do que 52 bairros da cidade se encontram sob disputa entre as facções criminosas. Apenas 13 dos 162 bairros do Rio não aparecem na pesquisa como conflagrados pelo crime organizado.

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg