top of page
banners dengue balde niteroi 728x90 29 2 24.jpg

Rio confirma primeira morte por dengue em 2024

A cidade do Rio confirmou nesta quarta-feira (7/2) a primeira morte por dengue neste ano. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a vítima era um homem de 45 anos, que foi socorrido na unidade de pronto atendimento (UPA) do Complexo da Maré. A morte informada pelo município do Rio de Janeiro se soma a outros dois óbitos já registrados no estado. A Secretaria de Estado de Saúde informa que já houve mortes em Mangaratiba e Itatiaia.

Ao todo já são 13.550 casos confirmados da doença na capital fluminense apenas no início de 2024, o que representa mais da metade dos casos de 2023 e quase o triplo de casos de 2022. As áreas da cidade com maior incidência da doença são as regiões de Campo Grande e Guaratiba, na zona oeste, com 476 casos para cada 100 mil habitantes.


O município do Rio está em estado de emergência e já reconhece oficialmente a epidemia da doença. Segundo a secretaria, outros três óbitos ocorridos este ano estão em investigação devido à suspeita de dengue.


Para fortalecer a rede de atenção aos pacientes com suspeita da doença, estão sendo inaugurados nesta semana dez polos de atendimento em diferentes áreas da cidade. Cinco já estão em funcionamento, em Curicica, Bangu, Del Castilho, Campo Grande e Santa Cruz.


Até 5 de fevereiro, data da última atualização do painel de dados da Secretaria do estado, foram registrados 25.136 casos prováveis de dengue no território fluminense. Além das mortes confirmadas, há 21 óbitos em investigação.


Chamada Sons da Rússia5.jpg
banners dengue balde niteroi 300x250 29 2 24.jpg
Divulgação venda livro darcy.png
bottom of page