728x90_2.gif

A festa dos Jogos da Juventude


Aconteceu domingo (25), no Colégio Nossa Senhora da Assunção, em Niterói, a quarta edição dos Jogos da Juventude. O evento anual tem o objetivo de celebrar o Dia Mundial da Juventude, que cai no domingo de Ramos e é normalmente comemorado com a Jornada Diocesana da Juventude.

Neste ano, seis paróquias se inscreveram, sendo cinco de Niterói: a Paróquia Nossa Senhora das Dores, do Ingá, a Paróquia Santo Cristo, do Fonseca, Paróquia Nossa Senhora do Rosário e São Benedito do Cubango, Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora (Salesianos), de Santa Rosa e a Paróquia São Francisco Xavier do bairro de São Francisco. De Cabo Frio, se juntou aos jogos a Paróquia São Cristóvão.

As modalidades incluíram vôlei e futsal masculino e feminino, xadrez, damas e gincana bíblica, além das premiações de melhor torcida e concurso de bandas. Sobretudo, a ação que mais contava pontos para os participantes era a arrecadação de alimentos, que foi encaminhado às instituições de caridade que mais necessitam, através da rede vicentina. Foram arrecadados 445kg de alimentos não perecíveis. A Paróquia mais premiada foi a Nossa Senhora das Dores, do Ingá, sob o título de Associação Atlética Papa Francisco, fechando a competição com o primeiro lugar geral. Também houveram oficinas de grafite e pintura de lambe-lambe.

O Colégio Nossa Senhora da Assunção cedeu o espaço para o evento, que foi organizado pela Pastoral da Juventude da Arquidiocese de Niterói e iniciou com uma missa na Igreja São Francisco de Xavier. Luisa Assumpção, uma das coordenadoras, explicou que os Jogos da Juventude permitem gerar integração entre as paróquias. "Muitas vezes, fazemos nossos trabalhos de grupo jovem de forma isolada e poucos conhecem outras realidades. Com a competição, o pessoal começa a se conhecer na brincadeira de torcida, durante as oficinas e depois mantém contato". Para ela, a empolgação dos participantes dá vida a uma igreja jovem.

Thomás Sá, à frente da Associação Atlética vencedora, comemorou animado junto de seus amigos. "Dava pra perceber o brilho no olhar de cada um e a vontade de ganhar. Vínhamos treinando semanalmente faz um tempo e isso fez com que os resultados positivos aparecessem", disse. As equipes prezam pela união, integração, e não são permitidos gritos de guerra com qualquer tipo de ofensa, o que faz da competição apenas um pretexto para um objetivo maior. Nas redes sociais, a torcida chamada "Maré Vermelha" compartilhava a hashtag #VaiComeçarAFesta.

#JogosdaJuventude #DiaMundialdaJuventude #ColégioNossaSenhoradaAssunção #ParóquiaNossaSenhoradasDores #ParóquiaSantoCristo #ParoquiaNossaSenhoradoRosárioeSãoBenedito #ParóquiaNossaSenhoraAuxiliadora #ParóquiaSãoFranciscoXavier #ParóquiaSãoCristóvão