POP de Niterói é destaque em evento internacional

O Parque Orla de Piratininga Alfredo Sirkis foi destaque, nesta quarta-feira (1/12), durante o Fórum Latino-Americano de BiodiverCidades, realizado na cidade de Barranquilla, na Colômbia. O prefeito de Niterói, Axel Grael, apresentou a obra com soluções baseadas na natureza para prefeitos e gestores de quatro países da América Latina.

Divulgação

O evento, promovido pela Prefeitura de Barranquilla e pela CAF - Banco de Desenvolvimento da América Latina, teve como objetivo incentivar o desenvolvimento urbano e econômico com sustentabilidade e contou com a presença virtual do presidente da Colômbia, Iván Duque Márquez, que enviou um vídeo de saudação a todos os gestores.


Participaram presencialmente o Ministro de Meio Ambiente da Colômbia, Carlos Eduardo Correa, o presidente executivo da CAF, Sergio Díaz-Granados e o prefeito de Barranquilla, Jaime Pumerajo, chefe do executivo da cidade que é considerada referência em sustentabilidade na Colômbia.


As obras do POP integram o Programa Região Oceânica Sustentável (PRO Sustentável) e preveem a utilização de uma técnica inovadora na linha de soluções baseadas na natureza, adotadas em países que vêm privilegiando a proteção do meio ambiente.


“Estão sendo implantados 35 mil metros quadrados de jardins filtrantes. Essas estruturas, além de comporem paisagisticamente o ambiente, tratam as águas dos rios e de escoamento superficial antes de aportarem à Lagoa de Piratininga”, explicou Axel Grael, que viajou à Colômbia a convite da CAF.

Foto: Prefeitura de Barranquilla / Divulgação

O projeto da Prefeitura de Niterói contempla a recomposição vegetal da orla da Lagoa de Piratininga, abrangendo uma área de mais de 150 mil metros quadrados e a implantação de cerca de 10 quilômetros de sistema cicloviário ao longo de toda a orla. O POP Alfredo Sirkis também terá ecomuseu, trilhas, áreas de lazer, píeres de contemplação e para pesca, além de quadras esportivas e mirantes.


O prefeito Axel Grael participou do painel “BiodiverCidades e Inclusão Social”, promovido pelo Fórum, junto aos prefeitos das cidades argentinas de Luján e Córdoba, Leonardo Botto e Martín Llaryora, respectivamente. Na ocasião, o chefe do executivo reforçou que é fundamental que a estratégia de sustentabilidade caminhe em conjunto com os programas sociais da cidade.


“Hoje, nós temos a sustentabilidade e a melhoria da infraestrutura no eixo principal de desenvolvimento da cidade de Niterói”, disse Axel Grael, que também é vice-presidente da Frente Nacional de Prefeitos para Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, acrescentando que os municípios devem assumir um papel de protagonismo nas discussões sobre o futuro das cidades, desempenhando ações locais.


“As cidades precisam ter mais voz na tomada de decisão no caminho da sustentabilidade”, concluiu o prefeito.


Ao final do evento, representantes dos municípios da Colômbia, Argentina, Uruguai, Perú e Brasil, representada por Niterói, assinaram a Declaração de Barranquilla pelas Cidades Sustentáveis e a Biodiversidade: BiodiverCidades. O acordo visa impulsionar um modelo de desenvolvimento urbano que respeite a biodiversidade.


O objetivo do termo assinado é criar uma rede de cidades que protegem as suas áreas verdes e adotam Soluções Baseadas na Natureza. As cidades que assinaram a declaração, representadas por seus prefeitos, se comprometem a agirem através de um conjunto de ações a serem promovidas de agora em diante de acordo com a agenda da BiodiverCidade.


Equipamento multifuncional em Barranquilla


O prefeito Axel Grael aproveitou para conhecer a experiência da cidade de Barranquilla na implantação, há dois anos, do Malecón, uma área de lazer de 5 km ao longo do Rio Madalena. O projeto, que teve investimento de US$ 200 milhões e foi premiado, visa controlar enchentes, oferecer áreas de lazer para a população e promover a reforma urbana das regiões limítrofes.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

300x250px.gif
728x90px.gif